Sexo anal, tira as tuas dúvidas e descobre as razões para experimentares!

Vivemos numa época em que reina a liberdade de expressão e nos sentimos cada vez mais seguros para expressar os nossos gostos e preferências. Mas, há algo de estranho com o sexo anal, que continua a ser um tabu e não é fácil encontrar alguém para falar abertamente sobre este tema.

Quando tentas falar sobre sexo anal, com as tuas amigas, estas, normalmente fecham-se em copas e desviam o assunto. Já com o teu parceiro, o tema é sensível e nem sempre sabes como o abordar.

O sexo anal é simplesmente mais uma forma de fazer sexo. Não tens de te sentir uma desviada, um ser humano estranho ou uma pecadora só porque gostas de sexo anal. Sexo anal não é mais do que uma forma diferente de fazer sexo, exatamente como sexo oral, vaginal, masturbação com brinquedos eróticos, etc. É tão somente uma questão de gostos que não te tornam numa pervertida.

Para te ajudar a desmistificar o tabu do sexo anal, aqui ficam algumas razões para lhe dares uma oportunidade, para que consigas falar abertamente com as tuas amigas, para que o partilhes com o teu parceiro ou, simplesmente, para esclareceres algumas dúvidas que tenhas sobre o tema.

Antes de começar, é importante que abras a tua mente, que deixes de lado os preconceitos e que dês uma oportunidade a este tema. Faz um auto exame e tira as tuas próprias conclusões sobre a forma como te sentes relativamente a este assunto.

Sexo anal: razões para fazer e gostar

Pode ser bastante divertido e prazeroso

Se encarares o sexo como um jogo de cumplicidade e partilha com o teu parceiro o sexo anal pode-se tornar muito prazenteiro e divertido. É importante não ir diretamente ao assunto, o teu parceiro deve ser paciente e gostar de brincar para que o sexo anal seja uma boa experiência para ambos. Sim, porque a mulher pode ter tanto ou mais prazer que o homem.

sexo divertido e prazeroso

Para que haja prazer, é fundamental que a pessoa que está a fazer a penetração saiba como a fazer. Não é fácil. Pelo menos nas primeiras vezes. Por isso há três fatores essenciais: paciência, boa disposição e tempo. O sexo anal não é compatível com pressas e “rapidinhas”.

Dupla penetração: sexo anal e sexo vaginal

Consta que ser penetrada por dois homens é um desejo escondido das mulheres. Podes pensar que é um absurdo, mas é a mais pura verdade. Não quero com isto generalizar, nem todas as mulheres o desejam, mas uma grande maioria tem esta fantasia. Contudo não é necessário fazer um ménage a trois para usufruir da dupla penetração, aqui os brinquedos eróticos podem desempenhar um papel fundamental.

dupla penetração - sexo anal e sexo vaginal

Se o teu parceiro for bastante habilidoso ou mesmo tu, enquanto ele te penetra no anos, podes tu mesma penetrar-te com um vibrador na vagina.
Hummm… não te vou contar como é bom, tens de ser tu mesma a experimentar para o descobrires. Apenas te digo que é na variedade que está o prazer e, quando o assunto é sexo, experimentar coisas novas devia ser regra obrigatória na tua vida.

As mulheres também gostam de penetrar

Quase todas as mulheres, já tiveram vontade de penetrar o seu companheiro e, para isso existem brinquedos como o Strap-On, que é um dildo com ou sem vibração para ser usado na cintura como se fosse um pénis. Podem ser usados tanto por homens como mulheres, mas na maioria dos casos são as mulheres que os usam.

mulher com strapon

É importante desmistificar a ideia que o sexo anal é exclusivo do mundo gay. Muitos homens heterossexuais têm a fantasia da penetração anal, feita pela sua parceira, porque o sexo anal dá prazer e também querem experimentar, embora lhes custe admiti-lo pelo receio que têm que isso afete a sua virilidade. Mas não desanimes, nem tudo está perdido. Há homens curiosos que estão dispostos a explorar e deixar-se explorar. Tudo vai depender da forma como fazes a proposta e como o executem.

O meu conselho é ter a mente aberta, ser clara, manter a comunicação em todos os momentos, ser cuidadosa e, acima de tudo, desfrutar, para que ele possa também desfrutar do momento.

Para o sexo anal, o tamanho do pénis importa

Se for muito grosso pode ser incómodo. Se for muito comprido a penetração pode ser demasiado profunda. Se for pequeno pode ser melhor. Mas, na verdade, mais importante que todas estas características é a forma como o teu parceiro o faz! Quanto mais delicado, paciente e conhecedor do tema, melhor. Se ele não tem muita experiência, não desanimes.

sexo anal

O essencial é falarem clara e abertamente, manterem a comunicação e ter paciência. Estes ingredientes aliados à confiança e um bom clima, são meio caminho andado para que os dois tenham uma experiência fantástica.

Se o período te incomoda, o sexo anal pode ser a solução

Há imensas mulheres que apesar de se sentirem mais “quentes” e excitadas durante a menstruação não gostam de ter relações sexuais. Neste caso o sexo anal pode ser a solução.

Explorar o teu corpo e o do teu parceiro é dar um passo em frente na vossa intimidade

O sexo é algo muito íntimo e por isso a existência de uma ligação é essencial para que exploremos e nos deixemos explorar. A confiança é também ela fundamental.

explorar parceiro sexo anal

Praticar sexo anal com alguém em quem não confias pode tornar-se numa péssima experiência, a qual não vais apreciar e pode ser até doloroso. Assim, aconselho-te a teres cuidado com a pessoa que escolhes para viver esta experiência, pelo menos das primeiras vezes.

Sem comentários

Deixe o seu comentário